Pular para o conteúdo principal

Prédios da UFRPE são desocupados de forma pacífica

Data: 
quinta-feira, 5 Janeiro 2017 - 10h45
Português, Brasil

FONTE: DIARIO DE PERNAMBUCO

A saída dos integrantes do movimento Ocupa UFRPE ocorreu sem confusões, e os edifícios foram entregues sem danos

A Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) concluiu na última segunda-feira o processo de desocupação dos prédios da instituição. A saída dos integrantes do movimento Ocupa UFRPE ocorreu de forma pacífica, e os edifícios foram entregues sem danos. Segundo a assessoria de comunicação da universidade, representantes do movimento e funcionários da administração da instituição realizaram vistoria em todos os prédios e nenhum problema foi detectado.

"Informamos a Comunidade Universitária da UFRPE, que na última segunda-feira 02/01/17, os prédios ocupados pelo movimento Ocupe UFRPE, foram todos desocupados. Ressaltamos que os mesmos estão em perfeito estado de conservação, e com seus usos normalizados", afirmou o vice-reitor da universidade, Marcelo Carneiro Leão, em postagem no grupo do Facebook da UFRPE.

 UFRPE/Divulgação
Representantes do movimento e funcionários da administração da instituição realizaram vistoria em todos os prédios. Foto: UFRPE/Divulgação
A situação foi bem diferente do ocorrido na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Os prédios do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH) e no Centro de Artes e Comunicação (CAC), no campus Recife, foram alvo de vandalismo e tiveram salas depredadas e equipamentos roubados. Um dos locais mais atingidos foi o Laboratório de tecnologia da informação (Liber) no CAC. O espaço, reconhecido nacionalmente, teve o seu acervo destruído e o estrago ainda está sendo avaliado.